Cresce o número de ocorrêcias de abuso sexual contra crianças e adolescentes em Santarém

De acordo com a Vigilância Socioassistencial da Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras), com base nos relatórios de atendimentos nos três Conselhos Tutelares de Santarém, o índice de abuso sexual contra crianças aumentou. Os dados são baseados no comparativo entre os primeiros 45 dias de 2020 e 2021.

De acordo com o levantamento, até houve redução de ocorrências atendidas no Conselho Tutelar I, que fica localizado na região central de Santarém, no entanto, a quantidade de atendimentos nos Conselhos II e III, localizados na Grande área do Santarenzinho e em Alter do Chão, chamaram a atenção do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (Comdca), que solicitou um diagnóstico para identificar as possíveis causas e traçar um plano de atuação, junto com a rede de proteção de crianças e adolescentes, para combater o crime.

“Esse levantamento mais completo irá nos munir de todas as informações necessárias, por que o conselho é um chancelador dessa política, porém, necessita da integração de todos os articuladores, todos os protagonistas, para que juntos consigamos gerar políticas públicas e que consigamos fazer uma barreira para tentar reduzir esses casos e garantir que as crianças e adolescentes possam ter  seu desenvolvimento integral e fiquem a salvo de todo tipo de violação de direitos, principalmente graves como esses que estão sendo registrados”, esclareceu a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Roselene Andrade.

Foto: Ascom/Prefeitura de Santarém

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.