Santarém: Indígenas Warao participam de mais uma fase do projeto que estimula sua produção artesanal e autonomia econômica

O Projeto Monakitane Yakeraja Jakitane (Em busca de um futuro melhor) realizou oficinas de educação financeira voltadas para o incentivo à atividade econômica dos venezuelanos indígenas da etnia Warao em Santarém.

O objetivo do projeto é apoiar o trabalho artesanal desenvolvido tradicionalmente por essas pessoas para estimular sua autonomia econômica e, consequentemente, a superação da situação de vulnerabilidade social e a adaptação no novo país.

Em 2021 já foram realizadas três oficinas com a temática. Todas com abordagem lúdica e multidisciplinar. 

Essa é a segunda edição da estratégia, que foi idealizada pela Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social (Semtras) juntamente com a Casa de Acolhimento para Adultos e Famílias (Caaf) e com o Ministério Público do Trabalho (MPT).

O MPT destinou recursos no valor de R $12 mil para a compra de materiais para confecção de artesanatos. Na segunda edição, foram entregues linhas, agulhas, punhos de rede e miçangas para 34 artesãos.

Na primeira etapa, os indígenas venezuelanos confeccionaram redes, paneiros e bijuterias para exposição e comercialização.

Foto: Ascom/Prefeitura de Santarém

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.