Morre de covid-19 a empresária Maria Aparecida Serique Pereira. Ela era Proprietária da Rádio e TV Guarany

Maria Aparecida Serique Pereira desenvolveu a forma grave da covid-19 em fevereiro. Ela estava em tratamento em Santarém, mas foi transferida no dia 1º de março para um leito de UTI do Hospital Regional do Tapajós (HRT), em Itaituba, onde permaneceu entubada até a última quinta-feira (12), quando sua morte foi confirmada. O enterro ocorre nesta sexta (12).

Antes de assumir a direção do Sistema Guarany de Comunicação, que integra a Rádio e TV Guarany, a empresária atuava como assistente social no Sesi. Ela herdou ações da empresa depois da morte do seu marido, o empresário Ademilson Pereira, em 2007, mas só assumiu o comando em 2011, quando comprou as cotas que pertenciam à Simone Pereira, filha do irmão e sócio de Ademilson.

Como Aparecida Serique não teve filhos, a empresa de comunicação deve ficar temporariamente sob o comando da sócia, Miza, que também era colaboradora na empresa.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Nota de Pesar

As Organizações Nivaldo Pereira se solidarizam com os amigos, familiares e colaboradores da Rádio e TV Guarany pela perda da diretora Maria Aparecida Serique Pereira. Neste momento de dor, desejamos nossas mais sinceras condolências. Sua partida deixa um legado de amizade e carinho.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.