Ministério da Saúde envia mais 117.400 doses de vacina contra Covid-19 ao estado do Pará

As vacinas chegaram a Belém na tarde desta quarta-feira (17). Ao todo, são 117.400 doses da CoronaVac/Sinovac, que é desenvolvida no Brasil pelo Instituto Butantan.

Essa é a oitava remessa recebida pelo Pará, contabilizando 660.040 doses enviadas pelo Ministério da Saúde ao Estado. O novo deve reforçar a imunização de grupos prioritários.

Já está sendo organizada a estratégia de distribuição das doses aos municípios. Como aconteceu com as outras doses, a Sespa vai repassar as vacinas aos 13 Centros Regionais de Saúde e os municípios devem procurar seus centros e retirar as vacinas. O envio é feito por via terrestre, aérea e marítima, e conta com o apoio da Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup).

O governador do Estado, Helder Barbalho, reuniu por videoconferência com governadores participantes do “pacto nacional”, no sábado (13), com objetivo de alinhar medidas para diminuir o pico da pandemia de Covid-19 registrado nas últimas semanas no Brasil. Até o momento, governadores de 22 estados e do Distrito Federal manifestaram posição favorável às medidas.

Durante a reunião, o chefe do Executivo Estadual expôs aos demais governadores que o Pará vem recebendo doses insuficientes da vacina. Mesmo com a nona maior população do Brasil – 8.702.353 habitantes -, o Pará é o estado que recebeu, proporcionalmente, a menor quantidade de imunizantes contra a Covid-19.

Calendário de chegada ao Pará dos lotes de vacinas já enviados pelo Ministério da Saúde

– 18 de janeiro: 173.240 doses da CoronaVac/Sinovac

– 24 de janeiro: 49 mil doses da Oxford/AstraZeneca

– 25 de janeiro: 29.200 doses da CoronaVac/Sinovac

– 06 de fevereiro: 64.400 doses da CoronaVac/Sinovac.

– 24 de fevereiro: 98.200 doses da CoronaVac/Sinovac (37.200) e Oxford/AstraZeneca (61 mil).

– 03 de março: 67.000 doses da CoronaVac/Sinovac.

– 10 de março: 61.600 doses da CoronaVac/Sinovac. 

– 17 de março: 117.400 doses da CoronaVac/Sinovac.

 

Foto: Marco Santos / Ag. Pará

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.