7.840 doses da Coronavac são repassadas ao Oeste do Pará

Das 117.400 doses da Coronavac (Sinovac/Butantan) enviadas ao Pará na quarta-feira (17), 7.840 foram repassadas para a região oeste do estado na quinta-feira (18). A vacina dará continuidade à imunização contra a covid-19 de idosos acima de 70 anos e trabalhadores da saúde.

“Ainda não é a quantidade que gostaríamos, mas é importante que o público contemplado vacine”, explicou a diretora do 9º Centro Regional da Sespa, Aline Cunha.

No caso do Oeste do Pará, as doses foram enviadas ao 9º Centro Regional, responsável por fazer a distribuição aos municípios, mas algumas vacinas foram divididas entre outro avião e um helicóptero, ainda no pátio do aeroporto de Santarém, para serem transportadas até regiões de acesso mais difícil. Já o restante do lote foi enviado à sede do Centro Regional, de onde os municípios fazem a retirada.

Para Santarém, foram enviadas 2.530 doses, que já estão disponíveis para a população da faixa etária convocada. Elas estão sendo aplicadas das 8h às 17h em sistema de Drive-Thru, montado em três pontos: Hotel Barrudada (Mendonça Furtado/Bairro Liberdade), Centro Universitário Luterano de Santarém- CEULS/ULBRA (Sérgio Henn/Bairro Diamantino) e o Museu João Fona (Adriano Pimentel/orla da cidade).

“O Drive-Thru tem sido muito positivo em nossa vacinação. É uma forma segura tanto para quem recebe a vacina quanto para o profissional que a aplica, evitando aglomeração e proporcionando um número expressivo de pessoas sendo imunizadas em pouco tempo, além de ser um modelo com bastante aceitação do público. Por isso, decidimos manter o Drive-Thru que será realizado em outros pontos da cidade para atender a população de forma mais descentralizada contemplando outros bairros”, ressaltou a Secretária Municipal de Saúde, Marcela Tolentino.

Além do Drive-Thru, as 28 Unidades Básicas de Saúde (UBS) da área urbana estarão com doses disponíveis. O paciente precisa ter em mãos o cartão do SUS e o CPF. Devido à escassez de vacina, o cronograma é montado conforme o recebimento das doses. 

Foto: Marcelo Seabra/Agência Pará

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.