Há apenas 6 leitos de UTI vagos para adultos em Santarém e 10 pacientes estão na fila de espera

Os dados preocupam, mas não são novidade. A taxa de ocupação de leitos de UTI em Santarém segue no limite desde o fim de janeiro. A cada nova atualização do boletim da covid-19, a Semsa informa uma lista de espera com mais pessoas precisando de leitos do que vagas disponíveis.

De acordo com a Semsa, existem 64 leitos de UTI no município para adultos, mas apenas 6 estão vagos, conforme a atualização mais recente do boletim da covid-19, que ocorreu às 21h do domingo (21). Porém, na mesma atualização a Semsa informa que existem 10 pacientes adultos na fila de espera para ocupar um leito de UTI, o que significa que pelo menos quatro pessoas podem não ter acesso ao leito adequado a tempo.

Há também 7 leitos de UTI infantil em Santarém para tratamento exclusivo de pacientes infectados pela covid-19 em estado grave. Desses, 3 são neonatal e 4 são pediátricos, sendo que atualmente há apenas uma criança internada em um leito de UTI por causa de complicações da doença.

Sobre os leitos clínicos, que são aqueles utilizados no tratamento de casos de baixa e média complexidade, existem 194 exclusivos para Covid-19. Desse total, 118 estão ocupados.

Foto: Agência Pará

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.