Prainha: Suspeitos de colaborar com tentativa de fuga do responsável pela morte de fazendeiro trocam tiros com a polícia

A notícia da semana no município de Prainha foi o desfecho do homicídio do fazendeiro Edemar Beutinguer, conhecido como Chico Gaúcho. Ele foi morto com um tiro no sábado (24) na vila do Cupim, após um desentendimento com um homem conhecido como Paulo Doido.

Fazendeiro foi morto com tiro no peito no sábado (24)
Fazendeiro Chico Gaúcho foi morto com tiro no peito no sábado (24)

Paulo Doido é o principal suspeito pela morte do fazendeiro. Ele teria se sentido lesado após negociar uma propriedade com a vítima. Depois do crime, o Paulo fugiu na companhia de parentes.

Policiais civis e militares procuravam pelos envolvidos no crime, que estavam foragidos até a quinta-feira (29), quando duas pessoas foram surpreendidas pela guarnição da polícia militar em uma localidade do município.

De acordo com o Major Eduardo, Comandante da Polícia Militar em Monte Alegre, a polícia recebeu a informação de que seria montado um esquema de fuga dos suspeitos pelo Rio Paru, mas a Guarnição de polícia foi recebida a tiros, quando chegou ao local.

De acordo com o informante do Portal P5 em Prainha, o rapaz que teria atirado contra a polícia se chama Jeferson e é sobrinho de Paulo Doido. Após a troca de tiros, ele conseguiu fugir na mata.

Em seguida, os policiais foram até a margem do rio, onde havia uma lancha. No local, também houve troca de tiros com outro homem, Messias, que também seria sobrinho de Paulo Doido. Ele caiu no rio e não foi mais encontrado e a Polícia ainda não sabe se o suspeito conseguiu fugir ou se foi atingido por disparos.

Messias morreu em Intervenção Policial
Messias morreu em Intervenção Policial

Depois, como as guarnições foram informadas que haviam mais envolvidos na logística de fuga, as buscas continuaram e dois cidadãos em uma motocicleta foram detidos suspeitos de envolvimento, um deles seria o piloto da lancha, que ia ser usada na fuga. Eles foram conduzidos para a Delegacia para prestar esclarecimentos.

Em seguida, a guarnição avistou pegadas na área de mata e, ao procurar, voltou a encontrar o Jeferson, o rapaz que trocou tiros com os policiais. Houve nova troca de tiros e, dessa vez, ele foi atingido e ainda chegou a ser conduzido até o Posto de Saúde mais próximo, mas já chegou sem vida.

Jeferson morreu em intervenção policial
Jeferson morreu em Intervenção Policial

Fonte: Dr. Mirandinha/Prainha e Betinho Sousa/Monte Alegre. Fotos: Polícia Militar e Redes Sociais

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.