Homem que matou a companheira em dezembro do ano passado é condenado a 25 anos de prisão

Nesta segunda-feira (14), Wallace Diego Correa da Silva foi condenado a 25 anos de prisão em regime fechado pelo assassinado da jovem Ingrid Silva de Sousa, de 18 anos.

Wallace foi condenado em júri popular por matar a companheira a facadas no dia 27 de dezembro de 2020.

Ingrid foi atacada enquanto segurava no colo o filho de 8 meses, fruto de um relacionamento anterior. A vítima ainda chegou a correr para a casa de uma amiga para pedir socorro, mas Wallace conseguiu entrar na residência para feri-la.

 Ingrid Silva de Sousa

A jovem chegou a ser levada para o hospital, mas não resistiu. A motivação do crime teria sido ciúmes. 

O agressor estava foragido até o dia 13 de janeiro deste ano, quando se apresentou na Delegacia de Polícia Civil de Santarém espontaneamente.

Foto: Redes Sociais

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.