Fiscais da Vigilância Sanitária participam de treinamento com Anvisa

O objetivo é alinhar o trabalho entre os fiscais do órgão nacional e o municipal para garantir o cumprimento das normas, principalmente em terminais de passageiros de Portos e Aeroportos.

Segundo as normas técnicas, a fiscalização de Portos e Aeroportos é de responsabilidade da Anvisa que ainda não possui um posto de vigilância no município.  Portanto, a alternativa é realizar ações com apoio dos fiscais da divisão local, de maneira suplementar tanto em relação ao covid-19, como aos demais protocolos a serem seguidos nestes espaços.

“Ainda estamos vivendo um movimento forte em relação a pandemia da covid-19. A ideia é exatamente dialogar com a Vigilância Sanitária de Santarém para sermos parceiros na efetividade de ações, sobretudo quando identificarmos algum caso suspeito ou pessoas que apresentem sintomas da Covid nas embarcações ou na infraestrutura dos portos existentes na cidade”, declarou o gerente regional da Anvisa, Jeferson Caldas.

Ainda segundo a Anvisa, o treinamento contou com detalhes de como deve ser a atuação dos fiscais mediante situações que ocorrem com frequência no atendimento de passageiros, assim como criar canais de interlocução com o órgão no momento que isso acontecer.

Estiveram presentes seis agentes da Anvisa, sendo um gerente nacional e outro regional. Da Vigilância Municipal participaram 26 servidores. Ao longo da semana, ações conjuntas devem ocorrer pela cidade para que ambos possam colocar em prática as instruções, aprimorando o treinamento.

“A Anvisa está no município de Santarém para realizar inspeções em Portos e Aeroportos. Em contrapartida, vieram orientar a fiscalização da Vigilância Sanitária local sobre essa atuação suplementar nos terminais, uma vez que eles não estão aqui o ano todo para desenvolver esse trabalho. Passado este treinamento para a nossa equipe, foram tratadas orientações, instruções e normativas para garantir qualidade no serviço e saúde pública para a população de Santarém”, informou Marcelino Xavier, chefe da Especializada de Vigilância Sanitária em Santarém.

Foto: Ascom/Prefeitura de Santarém

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.